Gartner identifica as principais tendências de segurança e de gerenciamento de riscos para 2021

À medida que a pandemia de COVID-19 acelera a transformação digital dos negócios, líderes de segurança e gerenciamento de risco de todo o mundo estão sendo desafiados a rever suas inciativas tradicionais de segurança cibernética para permitir uma rápida reinvenção de suas organizações. Diante deste cenário, o Gartner, Inc., líder mundial em pesquisa e aconselhamento … Ler mais

Compliance – A Importância da Segurança de Seus Dados Financeiros

Compliance - A Importância da Segurança de Seus Dados Financeiros

Compliance: esse é um termo que tem aparecido cada vez mais em matérias de TVs, jornais, sites e rádios. Se você é gestor de uma média ou grande empresa, muito provavelmente já possui uma área de Compliance. O ponto estratégico desse texto não é ensinar ou dar os passos para a implementação, mas sim destacar … Ler mais

O sistema parou: e agora?

Mais importante do que reduzir a ocorrência de paradas do sistema é acabar com o jogo de empurra/empurra.

Um sistema de informação ou aplicativo se dá com diferentes camadas de hardware, rede local, rede remota, sistemas operacionais e aplicações que, geralmente, são de responsabilidade de diferentes fornecedores. Isso impõe o dilema – o sistema parou. E agora? Lidamos diariamente com serviços e aplicações que param de funcionar e deixam os usuários na mão. … Ler mais

Empresas migram para sistema Linux a fim de economizar

Linux: Empresas migram para sistema open source a fim de economizar

Entre as inúmeras consequências da alta do dólar, o aumento das licenças de softwares é mais uma despesa que impacta no orçamento das empresas. Frente a esta nova realidade, migrar as operações para plataformas open source, como as distribuições Linux, tem sido uma alternativa vantajosa. O Igloo (www.meuigloo.com.br) é uma solução que migra todos os … Ler mais

Chief Data Officer, o papel do gestor de dados corporativos

Chief Data Officer

Sua empresa tem um líder responsável pela gestão dos dados corporativos? Algumas empresas já estão adotando em seus quadros um novo executivo, responsável pela segurança de dados, o Chief Data Officer (CDO). Entre os desafios enfrentados pelos gestores de dados corporativos está a mudança da cultura para uma baseada em dados e a busca por … Ler mais

Crise econômica e Big Data

Big Data

Em momentos de crise econômica e mercado enfraquecido – conjuntura que afeta o Brasil hoje, as empresas precisam ser cautelosas e ter em mãos dados concretos que as ajude a tomar as decisões corretas ao traçar estratégias para melhorar a competitividade. A previsão é que as soluções de Big Data possam se beneficiar desse período, … Ler mais

Segurança de sistemas é demanda dos setores de telecom e data center

slide03Os setores de data center e telecomunicações enfrentam muitos desafios em comum no cenário atual. Um dos principais é a demanda por serviços e aplicações 24 horas por dia, de qualquer lugar. Isso vale tanto para um usuário final, que quer assistir a vídeos no smartphone enquanto está a caminho do trabalho, quanto para empresas e usuários corporativos, que dependem deste acesso para garantir a produtividade de seus negócios.
Com o avanço da tecnologia e mobilidade, aparecem mais desafios e problemas para serem resolvidos. As operadoras e provedoras de serviços precisam entender e acompanhar o ritmo de seus clientes, cada vez mais exigentes. Os data centers precisam garantir disponibilidade a todo o tempo, acompanhando o ritmo desenfreado de informações, além de evitar a perda de dados em situações críticas. Por fim, a infraestrutura precisa ser capaz de suportar tudo isso.
Mas um dos grandes desafios dessas áreas – talvez subestimado – é a segurança de sistemas. De nada adianta oferecer um serviço inovador, tecnológico e acessível, se usuários e empresas correm o risco de terem seus equipamentos infectados com malwares.
Os consumidores e as corporações não sentem falta da segurança de sistemas até que um ataque aconteça. E a previsão é de que os ataques aumentem e fiquem mais sofisticados conforme o avanço da tecnologia. Atualmente, o McAfee Labs detecta 387 novos malwares por minuto.
Uma das prioridades dos setores de telecomunicações e data center deve ser que empresas e usuários “esqueçam” da segurança, mas no bom sentido. Ou seja, que confiem nas soluções que contrataram e que não precisem se preocupar com riscos e perda de dados. Um usuário não precisa saber se tem que atualizar um software embarcado, e sim aproveitar sua experiência de uso sem impactos, seja em casa ou na empresa.
Para que isso seja possível, é essencial que as soluções de segurança, principalmente corporativas, entendam a dinâmica das companhias. Elas não podem ser uma barreira ou dificuldade que a empresa precisa lidar, mas sim aliadas do negócio.
Felizmente, hoje já existem soluções mais flexíveis, capazes de se moldarem de acordo com a necessidade da empresa. A chave para isso é a integração, que permite que produtos se comuniquem para que as informações de diferentes camadas sejam analisadas e a melhor decisão possa ser tomada.
Sempre vai haver o desafio de identificar as áreas que trarão um retorno positivo, e ser mais seletivo em relação a isso é uma forma inteligente de lidar com o negócio. Do outro lado, a equipe de TI tem a dificuldade de justificar o retorno de investimento das ferramentas que utiliza, inclusive as de segurança de sistemas, e muitas vezes, as soluções são vistas apenas como um custo.
A saída, neste caso, é mostrar para a equipe de orçamento como tais ferramentas podem amenizar riscos, aumentar a produtividade e reduzir custos. Mesmo em um cenário de crise econômica, as áreas de data center e telecomunicações não podem deixar de investir em segurança. Enquanto deixar de fazer isso pode resultar em um incidente ou mesmo levar a empresa a falhar. Investir numa solução integrada pode aumentar a capacidade e maturidade dos negócios, consequentemente gerando um retorno sobre investimento positivo.
Marcos Ferreira é engenheiro de sistemas da Intel Security

10 razões para escolher armazenamento em flash

SSD Flash

SSD Flash

Este artigo lista 10 boas razões para escolher armazenamento em flash para seu ambiente doméstico ou corporativo.

1. Capacidade de aproveitar a explosão de dados
As empresas ainda lutam com apertados orçamentos de TI, ao mesmo tempo que tentam gerenciar grandes quantidades de dados. O IDC prevê que a quantidade de dados crescerá anualmente mais de 50% nos próximos anos. Isso só aumentará a demanda por sistemas de armazenamento. Além disso, hoje em dia as empresas estão exigindo maior desempenho, mais potência e maior eficiência, devido às novas iniciativas de tecnologia (como computação em nuvem, virtualização e big data). A velocidade é cada vez mais importante para as empresas; elas exigem maior eficiência e melhor resposta para manter sua vantagem competitiva. Todo armazenamento em flash oferece melhor desempenho do que o alcançado com as unidades de disco mecânico legado – ou seja, é essencial para as organizações que procuram evoluir.

Ler mais