O mercado de informática e suprimentos ganhou o Comércio Eletrônico

O Mercado De Informática E Suprimentos Ganhou O Comércio EletrônicoDe acordo com dados levantados pelo IDC Brasil – International Data Corporation – as estimativas de crescimento do mercado de informática são positivas para 2015, com projeções ascendentes girando em torno de 7%, mesmo com a retração da economia brasileira.

Esse panorama reflete não apenas as expectativas de vendas no comércio físico, mas principalmente no comércio eletrônico, onde os itens e suprimentos de informática despontam nas primeiras colocações dos mais vendidos. Trata-se de uma consequência natural da expansão dos negócios para além das fronteiras físicas, onde as empresas assumem o compromisso de atender aos consumidores das mais diversas regiões do país, em um sistema de transações online ultra seguras e com entrega rápida.

Lojas de informáticas virtuais, como a Scarcom, estão expandindo sua gama de produtos para atender demandas específicas de itens de conectividade, armazenamento, memória, processamento, impressão, digitalização, automação, dentre outros.

Marcas renomadas em um único lugar
Um dos motivos que levaram as lojas de informática realizar essa “migração” para o comércio eletrônico foi a possibilidade de reunir as grandes marcas de suprimentos em TI, focando na logística, enquanto o próprio comércio eletrônico realiza as vendas de forma automatizada.

Em suma, a gestão de pessoas – com vendedores físicos e atendentes financeiros – foi substituída por um formato totalmente eletrônico de venda, abrindo espaço para a empresa dedicar-se com mais engajamento na logística de importação de marcas como Microsoft, D-Link, Seagate, CISCO, Logitech e Corsair.  Dessa forma, os consumidores podem adquirir de forma prática todos os produtos que necessitarem para melhorar sua experiência com a tecnologia em ambientes domésticos ou corporativos.

Compras online com suporte “físico”
Mesmo com as vendas realizadas diretamente pelo site, o consumidor pode contar com todo o suporte físico da empresa. Isso porque, as lojas virtuais possuem uma equipe de atendimento ao cliente tal qual ocorre nas lojas físicas, caso seja necessário esclarecer dúvidas, solicitar informações ou resolver problemas relacionados ao produto. No geral, esse suporte ocorre via telefone, chat online ou e-mail, ficando a critério do internauta a opção que lhe for mais conveniente e hábil.

Vale destacar, enfim, que antes de optar pela aquisição de um produto de informática em lojas virtuais, é imprescindível ficar atento aos selos de confiabilidade e segurança do site. O ideal é que o site possua auditoria atualizada todos os dias e o selo de ouro do E-bit para ser considerada realmente confiável tanto no que tange à navegação e conclusão de transações financeiras.